O momento justifica-o e o objecto da família, Ex-Militares da Companhia de Caçadores 3485, impõe-no. Vamos, todos, contribuir com notícias e estórias do presente e do passado.
Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 16.06.17 às 00:25link do post | favorito

Ponte_Lima10.jpg

Ponte_Lima11.jpg

Ponte_Lima12.jpg

Ponte_Lima13.jpg

Ponte_Lima14.jpg

Ainda ecoam nas águas do Rio Lima e nas encostas verdejantes de Ponte Lima, os sons dos nossos risos e da música dos nossos animados e divertidos vizinhos, aqueles(as) do lado oposto da sala. Não me levem a mal, nós fomos enchendo a "pança" olhando para a casa do vizinho... enquanto eles(as) foram-se divertindo, acima de tudo.

 

Reunimo-nos com o amigo Silva para mais um Encontro Anual. Foi um trabalho de organização engraçado com o toque especial de uma família minhota.

 

Obrigado.

Ponte_Lima15.jpg

Ponte_Lima16.jpg

Ponte_Lima17.jpg

Ponte_Lima18.jpg

Ponte_Lima19.jpg

 

No entanto, nota-se, que, de ano para ano, a tarefa de organizar está decadente e mais complicada.

 

Estivemos presentes, duas dezenas de ex-combatentes, sendo os restantes: familiares e amigos. É pouco, ou será que já nos contentamos com mais um almoço de amigos. Recordem o encontro de Ponte de Lima de 2007 e comparem com o deste ano, 10 anos depois.

Alguns, muito poucos, que se encontram motivados e podem, vão religiosamente a todos ou a quase todos os Encontros, pelas saudades e camaradagem.

 

Os nossos quase três anos de juventude perdida, com lágrimas e dor, que criaram em nós homens da cc3485, do mais sensível ao mais duro, sentimentos de camaradagem fraterna, passados mais de 40 anos, mereciam mais.

 

Estou consciente, de que, ano após ano, seremos menos. E porquê?

1- Uns esgotam os seus dias, entre nós.

2- As doenças vão sendo mais marcantes.

3- Vamos ficando mais velhos, alguns próximo dos 70 anos.

4- Os recursos financeiros, também limitam as grandes deslocações e as estadias.

5- Para muitos há outras motivações, mais atrativas e com menos despesa.

 

A primeira e a segunda razão são muito fortes e transcendentes e como é evidente não podem ser ultrapassadas por muito que gostássemos; mas todas as outras, com bom senso e muita imaginação poderiam ser minimizadas, reduzindo ou repartindo os custos relativos das deslocações, da refeição e da logística do Encontro.

 

Porque a idade vai fazendo a diferença, é preciso apelar à criatividade dos organizadores.

 

Em síntese, vejamos no que se transformou o nosso Encontro Anual.

1 – Numa deslocação, que para uma grande maioria de nós, é de várias centenas de quilómetros e que inclui uma ou duas dormidas;

2 – Em almoço "típico de uma boda", num qualquer local, na companhia de alguns camaradas, dispersos pela sala com os seus familiares e amigos;

3 – Uma vez por outra, há uma tímida visita, tipo cultural, mas na maioria dos anos esgotamo-nos num almoço;

4 – Meia dúzia de minutos de conversa de circunstância com dois ou três camaradas, quase sempre os mesmos.

Ponte_Lima20.jpg

Carlos Alberto Santos


Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal
Canal nº 888882 – Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal
mais sobre mim
Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
17

18
19
20
21
23
24

25
27
28
29
30


Sala de Leitura
pesquisar
 
subscrever feeds