Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Notícias e Estórias

O momento justifica-o e o objecto da família, Ex-Militares da Companhia de Caçadores 3485, impõe-no. Vamos, todos, contribuir com notícias e estórias do presente e do passado.

Notícias e Estórias

O momento justifica-o e o objecto da família, Ex-Militares da Companhia de Caçadores 3485, impõe-no. Vamos, todos, contribuir com notícias e estórias do presente e do passado.

Ex-Militares Companhia 3485 e Amigos. Viagem em Abril de 2018.

Alto Chicapa, 26.10.17

Caro amigo,

Chegou o momento de nos pronunciarmos sobre a nossa viagem anual, a 11ª de Abril.

Enquanto pensas no assunto, aproveita e vai recordando os bons momentos, são esses que interessam, os que passámos juntos, em Matalascanhas / Sevilha - 2008, Torremolinos / Gibraltar - 2009, Madrid / Toledo - 2010, Barcelona / Montserrat - 2011, Picos da Europa - 2012, Granada / Serra Nevada - 2013, Marrocos - 2014, Paris / Versalhes - 2015, Astúrias - 2016, Açores / São Miguel, Faial, Pico - 2017.

 

Agora vamos ao que interessa.

Apresento-vos quatro propostas, com destinos exclusivos para o grupo. Trabalhei-as em partilha com três operadores, numa perspetiva de custo / qualidade, rentabilização de horários e de fuga aos tempos mortos.

O próximo passo, compete a todos. É preciso selecionar uma das propostas, por maioria.

Agradeço, de verdade, uma decisão consciente. Não atirem tudo isto para um canto, para as calendas ou para o lixo, porque já houve muito trabalho profissional, muitos telefonemas e várias deslocações.

 

Não esqueças os teus amigos.

 

Proposta A - Madeira (4 dias)

Viagem de 4 dias, em Pensão Completa, assistida por um guia local. Visitas à Senhora do Monte, Eira do Serrado, Pico de Barcelos, Mercado dos Lavradores no Centro Histórico da Cidade, Fábrica de Bordados, Adega de Vinho da Madeira, Cabo Girão, Ribeira Brava, Porto Moniz, São Vicente, Camacha, Pico do Areeiro, Santana, Porto da Cruz, Machico.

Jantar com Bailinho da Madeira.

Voos TAP, com partidas e chegadas simultâneas, Lisboa e Porto.

As bebidas serão incluídas ou não, em função do operador, que escolhermos.

O preço da viagem, vai depender das reservas dos serviços em tempo e do número de participantes.

Nota: Alerto para o fato, de que as nossas datas (21 de Abril a 05 de Maio) coincidem com a festa da flor (19 de Abril a 06 de Maio), o que inflaciona tudo. Igualmente, as multidões vão determinar menos qualidade.

 

Proposta B - Itália / Assis, Roma, Vaticano (5 dias)

Viagem de 5 dias, em Pensão Completa, assistida por um guia local.

Visitas a Assis e à medieval Viterbo na região de Lázio, a Roma e aos seus monumentos e ao Vaticano, Basílica de São Pedro, Museu e Capela Cistina.

Voos TAP, com partidas e chegadas simultâneas, Lisboa e Porto.

O preço da viagem, sem bebidas incluídas, vai depender das reservas dos serviços em tempo e do número de participantes.

 

Proposta C - Europa Central / Praga, Viena, Budapeste (6 dias)

Viagem de 6 dias, em Pensão Completa, assistida por um guia local.

Checoslováquia (hotel), Cidade de Praga, visita de dia e meio.

Viena (hotel), Cidade de Viena, visita de dia e meio, com arredores e rio Danúbio.

Hungria (hotel), Cidade de Budapeste, visita de dia e meio.

Jantar no Danúbio e bebidas incluídas ou não, dependem do operador escolhido.

Voos TAP, com partidas e chegadas simultâneas, Lisboa e Porto.

O preço da viagem, vai depender das reservas dos serviços em tempo e do número de participantes.

 

Proposta D - Cuba / Havana, Cienfuegos e Trinidad / não é praia (6/7 dias)

Viagem de 6/7 dias, em Pensão Completa, assistida por um guia local.

Havana (hotel), visitas de um dia e meio e mais meio dia livre.

Cienfuegos (hotel) e Trinidad, visitas locais e arredores, dois dias.

Havana, tempo livre antes da partida para o aeroporto.

Voos via Madrid, com partidas e chegadas simultâneas, Lisboa e Porto.

O preço da viagem, vai depender das reservas dos serviços em tempo e do número de participantes.

 

Pondera, partilha as tuas ideias, fala com os teus amigos e escolhe aquela proposta que mais se aproxima dos teus e dos nossos desejos.

 

Eu estou dividido. A viagem à Europa Central está muito interessante e com um bom preço, mas Cuba é aquele lugar... como se costuma dizer, onde só se vai uma vez na vida. No entanto, a proposta para Itália não deixa de ser igualmente interessante, se assim o entenderem. Sobre a viagem à Madeira com a Festa da Flor, dá que pensar. Não só pelas multidões mas também pelos preços muito inflacionados e de época alta.

 

Se houver outras ideias eu agradeço que o digam ou, então, cheguem-se à frente e apresentem outra proposta viável, passível de ser gerida pelo(s) próprio(s).

 

É bom ter amigos e saber que os anos passam mas a amizade continua.

Um abraço do tamanho do Chicapa.

Carlos Alberto Santos

De passagem... por Kotor e Budva, Montenegro

Alto Chicapa, 10.10.17

Montenegro é um país muito jovem, muito pouco desenvolvido e sem moeda própria. Usam o euro, apesar de não estarem integrados na Comunidade Europeia. Fora das cidades há alguns campos agrícolas, pequenas casas dispersas, algumas inacabadas.

Montenegro10.jpg

As paisagens são genuínas e incríveis, ao ponto de ficarmos indecisos se tiramos mais uma fotografia ou ficamos a olhar mais um pouco.

Enquanto circulamos nas estradas estamos rodeados por Montanhas Rochosas Negras, daí vem o seu nome, Montenegro.

Nas cidades, que visitei, Kotor e Budva, há zonas densamente construídas, com casas, prédios estruturas de praia, estas sem gosto e muito pouco agradáveis à vista.

Durante as visitas os guias também privilegiavam os locais de filmagens, as casas de celebridades e as cadeias de hotéis que compraram ilhas. Fiquei com a ideia, que deixavam para um segundo plano tudo o que era cultural ou talvez porque há pouco para mostrar, mas não... Montenegro não é só paisagens de cortar a respiração.

A verdade, é que as minhas perspetivas não eram as melhores, mas a beleza incrível do país, onde tudo se mantem quase intato e preservado, transformou este destino num bom sonho inesquecível com tudo para umas belíssimas férias, a baixo custo.

Montenegro20.jpg

Montenegro21.jpg

Montenegro22.jpg 

Cidade de Kotor

No interior das muralhas, que trepam montanha acima, há pedras sobre pedras carregadas de história, há ruas estreitas com ar medieval e com verdadeiras obras de arte arquitetónicas, lojas, restaurantes, bares e esplanadas. A cidade, PATRIMÓNIO MUNDIAL DA UNESCO, visita-se rapidamente e sem pressas, mas tal como aconteceu em Dubrovnik / Croácia de um momento para o outro estávamos envolvidos numa multidão de turistas vindos dos cruzeiros no mar Adriático.

Portão do Mar

Montenegro30.jpg

Praça das Armas

Montenegro31.jpg

Montenegro32.jpg

Catedral de São Trifão

Montenegro33.jpg

Montenegro34.jpg

Montenegro35.jpg

Igreja de São Lucas

Montenegro36.jpg

Montenegro37.jpg

Palácio Pima

Montenegro38.jpg

Gatos de Kotor

Os gatos e a cidade são tudo num só movimento. A dedicação culmina num museu próprio. A  sua personalidade é visível em vários recandos, monumentos ou lojas. Dizem que na ex-Jugoslávia os gatos salvaram a população da peste.

Montenegro39.jpg

Montenegro399.jpg

Cidade de Budva

É, também, uma mistura de muralhas históricas, com lojas de artesanato, restaurantes, esplanadas e ruas estreitas, e a zona das praias, com palmeiras, muitos hotéis e muita gente a deslocar-se para a praia.

Montenegro40.jpg

Montenegro41.jpg

Montenegro42.jpg

Montenegro43.jpg

Montenegro44.jpg

 Carlos Alberto Santos

Vindima... é até ao lavar dos cestos. Ribafria, Alenquer

Alto Chicapa, 05.10.17

A freguesia de Ribafria, outrora conhecida pelo seu microclima, pela vocação agrícola e pelas suas variadas frutas onde as cerejas eram de excepção, fica na região dos vinhos de Alenquer, onde os tintos ou os brancos são de excelente qualidade, devido, essencialmente às características dos solos, à situação geográfica, ao ar vindo do mar, à Serra de Montejunto, e às castas adequadas ao padrão dos gostos actuais.

Vindima30.jpg

Neste mar de vinhas, num ano com a uva no ponto de maturação em qualidade máxima, nada é deixado ao acaso.

Quando a vindima, não é feita por uma máquina, é uma azáfama e quase uma dor de cabeça pela falta de mão de obra. Muitos ficam dependentes da boa vontade de familiares, amigos e vizinhos. Um ritual com momentos inesquecíveis, aromas, ditos e conversas no mundo apaixonante do vinho, que começa na vinha, passa pela adega e termina com a sua degustação.

Vindima20.jpg

Vindima31.jpg

Vindima32.jpg

Apesar das crises, mais ou menos formatadas para nos empobrecer e engordar mercados, o vinho a tudo tem resistido… mas os tempos são outros… melhores... piores... cabe a cada um de nós vivê-los felizes!

A minha gratidão aos amigos... de sempre!

Vindima10.jpg

Vindima11.jpg

Carlos Alberto Santos

Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal

Canal nº 888882 – Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal