O momento justifica-o e o objecto da família, Ex-Militares da Companhia de Caçadores 3485, impõe-no. Vamos, todos, contribuir com notícias e estórias do presente e do passado.
Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 11.02.17 às 15:06link do post | favorito

Poda

Carlos Alberto Santos

www.cc3485.pt

 

tags:

Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 15.04.16 às 22:53link do post | favorito

inverno

 Carlos Alberto Santos


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 24.06.14 às 23:23link do post | favorito

 

Carlos Alberto Santos

tags:

Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 19.03.14 às 14:58link do post | favorito

 

 

 

Carlos Alberto Santos

 


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 26.09.13 às 00:01link do post | favorito

Cacho a cacho... numa espécie de união coletiva de vocabulário igual e curiosidade por GRAUS e PESOS, onde, mais tarde, o cheiro a engaço e mosto permanecem iguais.

 

É o culminar de um ano de trabalho...

 

«Uma lenda grega atribui a descoberta da videira a um pastor, Estáfilo, que ao procurar uma cabra perdida, a foi encontrar comendo parras. Colhendo os frutos dessa planta levou-os ao seu patrão, Oinos, que deles extraiu um sumo cujo sabor melhorou com o tempo».

 

O vinho a tudo tem resistido: a concorrência de outras bebidas, uma publicidade agressiva a favor da cerveja, as mudanças de hábitos alimentares nas camadas mais jovens e... a confusão entre alcoolismo e o consumo de vinho.

 

Pasteur disse um dia: «Existe mais filosofia numa garrafa de vinho que em todos os livros».

 

Apesar das crises formatadas para nos empobrecer e engordar os mercados, ainda há Setembro… Outubro… e vindimas, mas os tempos são outros… melhores... piores... cabe a cada um de nós vivê-los felizes! A minha gratidão aos amigos... de sempre!

 

 

Carlos Alberto Santos

 


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 24.09.13 às 23:19link do post | favorito


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 03.07.13 às 00:28link do post | favorito

tags:

Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 30.10.12 às 23:39link do post | favorito

 

 

Carlos Alberto Santos

 


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 10.10.12 às 00:20link do post | favorito

Setembro e Outubro trazem consigo o cheiro a vindimas e abre caminho direto a paisagens de cores e cheiros. Cacho a cacho... numa espécie de união coletiva de vocabulário igual e curiosidade por graus e pesos, onde, mais tarde, o cheiro a engaço e mosto permanecem iguais.

 

 

É o culminar de um ano de trabalho, de canseiras, de amor, até dizem: a vinha gosta de nos ver muitas vezes, por lá. Primeiro a poda, as vides, depois... o terreno, as ervas, os tratamentos, a desparra e... a vindima. Nove meses de preocupações com as geadas, as trovoadas, o míldio e o oídio, a seca...

 

 

 

 

Amigos, dos mais conceituados grupos mundiais de vindimadores, emigram da cidade para colherem os cachos, um a um. Todas as mãos são preciosas e a família participa como pode… é preciso merendar, almoçar e jantar, mas... sobra o tempo certo para as brincadeiras.

 

 

 

 

Ainda há Setembro… Outubro… e vindimas, mas os tempos são outros… melhores ou piores?...cabe a cada um de nós vivê-los felizes!

 

 

 

A minha gratidão aos amigos de sempre:

Casal Fernandes, Casal Marques, Casal Ferreiro, Casal Velosa, Magui, Amélia, Carlos, Horácio, e… aos mais miúdos, Margarida, Leonor, Rafael e Gabriel.

 

E... sem a minha mulher Margarida e as minhas filhas Ana e Joana tudo seria mais difícil.

 

Carlos Alberto Santos

 


Comentar
publicado por Alto Chicapa, em 26.09.10 às 01:51link do post | favorito

 

 

Sentir a paixão da vindima na aldeia de Ribafria e passar momentos inesquecíveis apanhando uvas, deixando-se levar pelo aroma da fruta, pelos ditos e conversas das pessoas, sentindo este mundo apaixonante que é o vinho, que começa na vinha, passa pela adega e termina com a sua degustação.

 

 

Neste mar de vinhas que é Alenquer, num ano com a uva no ponto de maturação certo e onde nada é deixado ao acaso, as máquinas vão substituindo a mão-de-obra (dizem, que uma só máquina colhe o equivalente a 50 pessoas/dia).

 

 

 

 

 

 

 

O que é bonito neste mundo, e anima,
É ver que na vindima
De cada sonho
Fica a cepa a sonhar outra aventura...
E que a doçura
Que se não prova
Se transfigura
Numa doçura
Muito mais pura
E muito mais nova...
(Miguel Torga)

 

 

 

 

 

 

 

Obrigado, Ana Ferreiro, Magui, Maria, Amélia, Cecília, Florinda e Ana (mãe da Joana).

 

Obrigado, Velosa, Ferreiro, Horácio, Marques, Carlos, Orlando, Flory e Anibal.

 

Finalmente, um obrigado para, as minhas filhas Joana e Ana, aos meus netos Margarida e Gabriel, ao Rafael neto do amigo Velosa e... para a minha mulher Margarida.

 

 

 

Um grande copo à vossa saúde!

 

Carlos Alberto Santos

 

 

 


Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal
Canal nº 888882 – Ex-Militares da 3485 no MEO Kanal
mais sobre mim
Setembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
13
15

17
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Sala de Leitura
pesquisar
 
subscrever feeds